O que dizer numa Entrevista de Emprego?

o que dizer numa entrevista de emprego

A entrevista é um dos passos mais temidos por aqueles que estão à procura de trabalho. Afinal, o que dizer numa entrevista de emprego para que os contratantes vejam em nós todo o potencial? E o que não dizer durante a entrevista de trabalho? É isso que veremos aqui!

Quando somos chamados para uma entrevista de emprego, logo sentimos aquele “friozinho” na barriga… Não sabemos bem como nos vestir, comportar, e até mesmo o que dizer (principalmente quando já sabemos que nos esperam perguntas muito difíceis de responder).

Não se trata apenas de um relato do nosso curriculum vitae, até porque esse o contratante já conhece bem. A entrevista é o momento em que ele conhece a nossa personalidade, a nossa forma de ver o mundo do trabalho e as nossas perspetivas em relação à empresa.

Os empregadores já têm bem definido o perfil de trabalhador que eles querem para aquele cargo e, da mesma forma, sabem bem o que não querem. Portanto, antes de mais nada, estuda bem a visão e a missão da empresa, para estares alinhado com aquilo que eles procuram.

Vejamos agora o que dizer numa entrevista de emprego para que os empregadores olhem para ti com especial atenção.

O que dizer numa entrevista de emprego? O que dizer sobre nós mesmos?

Todos os empregadores nos pedem para que falemos um pouco sobre nós mesmos. Este é o momento em que ele tenta identificar traços de personalidade que encaixem no cargo ao qual nos estamos a candidatar, mas também à empresa.

Além disso, ele consegue perceber do que somos capazes e quais as nossas expectativas em relação ao trabalho.

Como todos os entrevistadores nos pedem para falarmos um pouco de nós, vale a pena treinar bem esta resposta (até para não ficarmos gagos na hora).

Mas o que responder? Vale contar tudo sobre a nossa vida? Ora anota!

  • Apresentação rápida (um ou dois minutos, no máximo)
  • Foca na experiência profissional e nas suas conquistas
    • Trabalhos anteriores
    • Momentos importantes da experiência profissional
  • Visão de longo prazo em relação à carreira
  • Papel na empresa
  • Passatempos e hobbies (se forem relevantes)

Vejamos um exemplo:

“Concluí o mestrado em Marketing na Universidade X e trabalhei anteriormente nas empresas Y e Z, onde pude colocar em prática o que aprendi durante a formação e aprendi bastante sobre Marketing Digital. Um dos momentos mais importantes da minha carreira foi quando consegui um contrato para a empresa com a parceira K.

Agora estou á procura de novos desafios, desenvolver ainda mais as minhas capacidades na área do Marketing e construir uma carreira na área sólida em Marketing Digital. Por isso, a vaga de trabalho nesta empresa fascina-me, principalmente por terem os valores H, J e P, e pessoas com grandes competências, o que me proporciona todas as condições para que o possa desempenhar as minhas tarefas.

Nos meus tempos livres gosto de ler, desenhar e escrever, atividades que me ajudam a aperfeiçoar os meus conhecimentos.”

O que dizer numa entrevista de emprego? Perguntas mais comuns

o que dizer numa entrevista de emprego perguntas comuns

Todas as perguntas feitas numa entrevista de emprego servem para te conhecer melhor e para saber se és a pessoa certa para aquele cargo.

Antes de mais nada, vale a pena dizer que não há uma resposta certa a nenhuma das questões (até porque o perfil desejado do trabalhador pode variar muito de empresa para empresa). Nesse sentido, ser honesto é sempre a melhor escolha.

No entanto, podemos estar preparados de antemão para termos sempre a resposta na “ponta da língua”. Isso demonstra interesse pelo trabalho e empenho em conseguir aquela vaga de trabalho (e acredita que ganhas muitos pontos ao mostrar entusiasmo e vontade de trabalhar naquela equipa).

Assim sendo, vejamos agora algumas das perguntas mais comuns para estares preparado na hora.

Como ficou a saber da vaga de trabalho?

Esta é uma pergunta muito frequente e, apesar de parecer simples, pode ser uma oportunidade para te destacares no meio de dezenas de candidatos.

Imagina que viste o anúncio de emprego num site. Diz qual o site e o que te chamou à atenção no anúncio, demonstrando interesse. Agora imagina que foi um amigo ou conhecido que te falou da oportunidade. Diz quem te comunicou da vaga e mostra como estás entusiasmado para pertencer à equipa.

Porque quer este emprego?

Todas as empresas querem um profissional entusiasta e com paixão pelo trabalho que desenvolvem. Esta é uma pergunta que avalia isso mesmo. Mostra o quão gostas das funções que desempenhas, o que te move a querer melhorar e como a vaga de trabalho pode ajudar a conquistares os teus objetivos.

O que sabe da empresa?

Mais do que descrever a empresa ou debitar o que eles têm na secção “Sobre Nós” no site, é importante que consigas entender os objetivos da empresa e mostrar que estás alinhado com eles.

Quais os seus defeitos e qualidades?

Esta é uma pergunta que todos os contratantes fazem, principalmente para conhecerem um pouco mais sobre a personalidade dos futuros trabalhadores. Sê honesto e fala sobre os teus verdadeiros pontos fortes (não apenas aqueles que achas que o contratante está à espera de ouvir).

Evita falar sobre os defeitos de personalidade que sabes, à partida, que não consegues mudar ou que te podem prejudicar bastante. Foca nos defeitos que podem ser mudados e mostra que estás a tentar superar.

Qual foi a sua maior conquista?

O empregador não quer saber se compraste uma casa, ou se fizeste aquela viagem a um destino paradisíaco. Quando o recrutador faz esta pergunta quer saber da maior conquista profissional que tiveste.

Contextualiza o momento dessa conquista, a tarefa que tinhas em mãos, explica o processo que seguiste e os resultados que tiveste.

Como se vê daqui a 5 anos? E daqui a 10 anos?

Com esta questão, o recrutador está a querer entender quais as tuas perspetivas a médio e longo prazo. A verdade é que nenhuma empresa quer um trabalhador por pouco tempo. O processo de formação e integração de um trabalhador numa empresa é demorado. Portanto, quando uma empresa contrata alguém, espera que ele permaneça nesse cargo por alguns anos.

Assim, deixa claro o que pretendes para o teu futuro, quais as tuas expectativas em relação à tua carreira, as tuas ambições e, caso seja esse o teu caso, qual a posição que desejas ter no futuro (mostra que queres crescer e que estás empenhado para isso).

Porque vai deixar o seu emprego atual, ou então, porque deixou o seu antigo emprego?

A tentação de falar mal de antigos empregadores é alta, até porque se nos demitiram, se nos despedimos, ou se estamos à procura de novas oportunidades, tivemos bons motivos para tal.

No entanto, nunca devemos falar de forma negativa dos nossos antigos contratantes, até porque isso demonstra incapacidade de perceber que todos os trabalhos são oportunidades.

Foca, por exemplo, na oportunidade que a vaga de emprego atual te dá e que não terias na outra empresa, ou explica como os valores da empresa se adequam melhor a ti do que a anterior.

O que dizer numa entrevista de emprego? Dicas extras

Muitas pessoas focam-se apenas em descobrir o que dizer numa entrevista de emprego e esquecem-se que qualquer interação pessoal envolve muito mais do que a linguagem verbal. Sem dúvida, a linguagem não verbal diz muito mais de nós e dá muitas pistas aos recrutadores.

Nesse sentido, é importante que mantenhas uma boa postura e tenhas muita atenção à roupa que vais levar para a entrevista. É fundamental que os trajes escolhidos estejam de acordo com a identidade da empresa. Por exemplo, se estiveres a candidatar-te a uma empresa formal, deves optar por um fato. Mas se a vaga de trabalho é para uma empresa informal, deves levar roupas mais descontraídas.

A tua atitude perante o recrutador também é muito importante. A tua postura deve passar confiança, mas nunca um desafio. Dessa forma, deves ser firme, mas nunca arrogante ou altivo.

Como o Guia das Profissões te pode ajudar a conseguir um emprego?

Conquistar aquela vaga de trabalho que tanto queremos não é uma tarefa fácil, e nem tudo passa pela entrevista. Sem dúvida, este é um processo muito complexo e que envolve várias etapas.

Nesse sentido, a equipa do Guia das Profissões desenvolveu um pack de oito e-books que te vão ajudar bastante a superar cada etapa da procura de trabalho, mas também a destacares-te logo nos primeiros meses dentro de uma empresa.

Encontras de forma detalhada a como:

  • Ter sucesso a arranjar emprego
  • Escrever uma carta de apresentação
  • Criar um CV em vídeo
  • Fazer um CV que marque a diferença
  • Preparar para uma entrevista de trabalho
  • Ter um diálogo afirmativo nas entrevistas
  • Organizar o seu tempo
  • Tirar partido das melhores ferramentas para usar no dia a dia

Com estas informações todas, vais conseguir destacar-te em todas as vagas de trabalho às quais te candidatas e, com toda a certeza, vais conseguir o emprego que tanto desejas. Lembra-te das tuas capacidades, não desanimes, e luta por todos os teus sonhos. Sucesso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima